VIAGEM | PLANEJAMENTO | CULTURA

Zona Sul Rio de Janeiro – O que fazer, onde ir e onde comer

Destino amado por muitos, com localização estratégica e diversas opções de deslocamento, a zona Sul do Rio de Janeiro é o destino perfeito para quem gosta de aliar paisagens naturais incríveis sem perder mão do conforto e das muitas opções de lazer. 

Esse é o tipo de destino que quanto mais se conhece mais a gente tem vontade de voltar e desbravar mais, difícil mesmo é não se apaixonar com essa energia! 

Se você está montando um roteiro para a cidade maravilhosa (para um final de semana ou vida inteira, rs), não deixe de conferir nossas dicas abaixo para planejar sua próxima aventura em terras cariocas.

Onde se hospedar na zona Sul do Rio

Saber onde ficar é fundamental para ter a melhor experiência possível de um destino turístico e sem dúvidas a zona sul é o melhor lugar para se hospedar no Rio de Janeiro. 

Aliando segurança, estrutura e fácil acesso aos principais pontos de visita no Rio, a zona sul costuma atender tanto viajantes experientes quanto pessoas que estão conhecendo a cidade pela primeira vez. 

Nossa recomendação é buscar hospedagem nos bairros Leblon (o mais seguro, o posto 12 é nossa praia favorita na zona sul e a mais segura), Ipanema (bairro mais good vibes, recheado de bares e lojinhas bacanas é o favorito da turma jovem) e Copacabana (um clássico, né?). 

Caso esteja sozinho e queira conhecer gente, sugerimos os hostels Ipanema Beach Hostel (Paul Redfern, 37, Ipanema) e El Misti (R. Joana Angélica, 47, Ipanema), ambos com excelente estrutura e galera animada o ano todo.

Onde comer

Opções para comer na zona sul do Rio de Janeiro não faltam e uma simples saída para um lanche pode se tornar uma experiência maravilhosa de novos sabores.

Café da manhã

Talho Capixaba – localizado no coração do Leblon, um dos lugares queridinhos dos cariocas para tomar um bem servido café da manhã ou apenas tomar um cafezinho e jogar conversa fora.

Café da manhã Talho Capixaba

Pain Perdu – Padaria de alma francesa e charme carioca, os diferenciais da casa são os produtos artesanais, não deixe de experimentar o tradicional croissant da casa.

Brunch

Plage Café – Dentro de uma das atrações mais populares do Rio (o parque Lage), o Café Plage conta com um menu variado perfeito para um cafezinho junto com um passeio cultural, recomendamos o pedir o Plage completo que serve muuuito bem duas pessoas.

Brunch Plage

Confeitaria Colombo – A Confeitaria Colombo, do centro ou do Forte de Copacabana, é um clássico absoluto que vale qualquer fila. Quem gosta de tomar um brunch farto com uma vista deslumbrante da mar recomendamos a Colombo do forte (além de conhecer um dos pontos turísticos cariocas é possível ter uma vista de toda a orla de Copacabana). 

Já para quem curte arquitetura e decorações, vale conhecer a unidade do centro que conta com um ambiente clássico que é patrimônio cultural carioca.

Restaurantes da Zona Sul do Rio de Janeiro

Cantina Boa Praça – Restaurante de cozinha italiana, receitas tradicionais e porções generosas. Rua Jangadeiros, 28 – Ipanema.

Almoço na Cantina da Praça

CT Boucherie –  Restaurante integrante da família do influente chef Claude Troisgros, oferece “rodizio ao contrário”, após escolher o corte de carne de sua preferência a equipe de garçons passa oferecendo acompanhamentos que dificilmente serão encontrados nas versões tradicionais (como chuchu gratinado e polenta com agrião).

Pato com Laranja – Um clássico repaginado, essa é a proposta do Pato com Laranja, localizado no coração de Ipanema, despojado e baladado ao mesmo tempo, opção para o dia inteiro, desde um almoço despojado até uma noite de drinks e sushi com muita música e agito.

 Nola – Restaurante localizado na rua mais badalada do Leblon, o Nola oferece um ambiente agradável e descontraído com um cardápio variado para um jantar a meia luz.

Gurumê – Um dos queridinhos da turma quando se trata de comida japonesa.

Temakeria e cia – Famosa rede paulistana de comida japonesa, a filial aberta em Ipanema tem feito sucesso pelos sabores e preços bem razoáveis.

Barzinhos

Boa Praça – Um dos bares mais baladados da zona sul, não deixe de experimentar a tradicional feijoada de sábado (com direito a roda de samba e agito).

Jobi – Tradicional e carismático porém o mais de conseguir lugar para sentar, o que não chega a ser um problema pois a galera gosta mesmo é de ficar de pé conversando e bebendo um chopp geladinho.

Boteco Belmonte do Leblon – Uma das estrelas da tradicional rua Dias Ferreira é um exemplar do ótimo atendimento no Rio, lugar de muita descontração, copo sempre cheio e sorriso do rosto.

Happy Hour no Boteco Belmonte do Leblon

Boteco Rainha – Ao andar pelo famoso triângulo da Dias Ferreira (eixo Jobi – Belmonte – Boa Praça), nos deparamos com o simpático Boteco Rainha (bombando diga-se de passagem), tanto para um petisco despretensioso com os amigos ou uma refeição completa vale a visita.

Bar da Lage – Vista privilegiada de toda a zona sul, um dos queridinhos dos turistas e gringos. Conta com serviço de “transfer” com kombi (precisa de reserva aos fins de semana) mas também é possível subir de moto táxi por um preço módico.

Mirante Arvrão – Seguindo a linha dos bares com visual de tirar o fôlego, o Mirante do Arvão fica localizado em frente ao Bar da Lage, com a mesma vista deslumbrante o bar e hotel conta com uma vasta programação de shows e eventos para quem quiser estender a noite no Vidigal.

Bosque Bar – Inaugurado no fim de 2020, o Bosque Bar localizado junto ao Jockey Club já é um sucesso. Funciona de quinta a domingo com cardápio variado, música ao vivo e vista para o Cristo Redentor.

Praias

Leblon

No Leblon postos 11 e 12 são considerados os pontos mais seguro da zona sul, muito bem servidos de barraquinhas com serviço de praia e drinks além de muita gente bonita, é nosso ponto favorito na zona sul.

Tarde na Praia do Leblon

Copacabana

Se o seu negócio é esporte, o posto 6 em Copacabana é ótimo para andar de standup com uma vista incrível da orla, caso opte por pegar praia em Copacabana sugerimos ficar próximo aos serviços de praia dos hotéis e sempre estar atento aos seus pertences, região muito visada por ter uma concentração grande de turistas.

Joá

Caso busque um lugarzinho mais local, a Joatinga, localizada no bairro do Joá é pouco conhecida pelos turistas mas adorada por muitos cariocas. A praia está dentro de um condomínio porém o acesso é livre para todos. Só atenção a tabua de marés antes de se aventurar nesse pequeno paraíso carioca, a Joatinga não é acessível em dias de maré alta, pois o mar cobre toda a faixa de areia.

Recreio dos Bandeirantes

Bairro jovem porém em crescimento, o Recreio dos Bandeirantes, zona oeste, é uma excelente opção para banhistas que procuram estar próximos de um ambiente mais natural e tranquilo. 

Com ares de caribe, a praia do Recreio é ótima para famílias com crianças, também conta com diversos quiosques e uma boa infra-estrutura de atendimento além de diversas opções para quem curte praticar esportes, não faltam opções de lazer. 

Praia do secreto

Já a Praia do secreto, na verdade não é uma praia, e sim uma piscina natural linda, uma grata surpresa após a trilha de acesso, apesar de não ser uma trilha de grande dificuldade vale lembrar que a única forma de acessar o Secreto é através de trilha. 

Se estiver com tempo e disposição também vale muito a visita a Praia de Grumari, Macumba e Prainha.

Para ver na Zona Sul do Rio de Janeiro:

Por do sol na pedra do Arpoador

Por do Sol no Arpoador

Acompanhado diariamente por moradores e turistas, o por no sol na pedra do Arpoador é um espetaculo a parte, chega até a ser aplaudido pelo público.

Procure chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência antes do por do sol para garantir seu espaço. Se possível evitar finais de semana. Alpem dissom, muito cuidado com celulares e pertences em todos os momentos, a praia do Arpoador costuma ser bastante cheia nesse horário.

Mureta da Urca 

Cerveja gelada, por do sol e vista para o pão de açucar? 

A mureta da Urca oferece tudo isso, ótima opção para o por do sol de domingo ou aquele happy hour com a galera. 

Não deixe pedir seu pastelzinho acompanhado de chopp gelado nos bares da região para serem degustados no muro mais disputado do Rio de Janeiro. 

O bar mais tradicional e clássico da região é o Bar e Restaurante da Urca.

Fim de tarde na Urca

Lagoa Rodrigo de Freitas 

Seja para a corrida ou pedalada matinal seja para curtir um piquenique romântico com vista para o Cristo Redentor. A Lagoa Rodrigo de Freitas tem uma seleção de atrações para todos os gostos e públicos. 

Há parques com brinquedos para as crianças, ciclovia em todo o entorno da Lagoa, pista para skate e patins, além de bares e restaurantes para quem prefere apenas curtir a paisagem. 

Não deixe de visitar a barraca do Luciano, famoso pelo “sashimi de coco” e tomar uma agua de coco geladinha servida pelo próprio Luciano com muita simpatia e alegria. 

No Parque das Figueiras, acontece a Babilônia Feira Hype, uma feira cultural descolada que reune moda, design, artesanato e gastronomia. É uma ótima opção de passeio para o final de semana, consulte a agenda para informação das datas em que a feira irá acontecer.

Mirantes gratuitos 

Boa notícia para quem gosta de vistas espetaculares! É possível admirar toda a beleza carioca em mirantes gratuitos, sem precisar subir o Pão de Açucar ou o Cristo Redentor. 

mirante Dona Marta é meu favorito, uma das vistas mais lindas da cidade, do alto de seus 360m é possível ver o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, a Baía de Guanabara e a Lagoa Rodrigo de Freitas. 

É possível acessar a pé (recomendado contratar guia) ou de carro/taxi/Uber, através do bairro Cosme Velho. 

Outro ponto que merece a visita é o Mirante do Leblon

Encontra-se no fim da praia do Leblon, um deck de madeira sobre as rochas que oferece uma linda vista de toda orla do Leblon, Ipanema, até a pedra do Arpoador. 

Fácil acesso a pé (apenas 5 minutos de caminhada a partir do posto 12), ônibus ou carro e conta ainda com quiosques para quem quiser petiscar e curtir o por do sol.

FOLLOW & LIKE

1 Comment

  1. Edson

    Procuro por restaurantes que servem doces de sobremesa tais como goiabada cascão, cremosa e banadada de pote.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial